Bailarino que também é fotógrafo registra autorretratos flutuando pelo ar

Mickael Jou é um fotógrafo e bailarino que reside em Berlim, mas cuja nacionalidade é o resultado de uma bela mistura entre Taiwan, França e Estados Unidos. Em seu projeto, “365 photos”, ele une as duas paixões de sua vida em uma série de retratos urbanos que mostram o dançarino exercitando sua flexibilidade pelas ruas da capital alemã.  A diferença entre o fotógrafo e outros profissionais que atuam na área da dança está na produção: Mickael faz tudo sozinho.

Os cliques são basicamente autorretratos, executados pelo prórpio Jou em cafés, supermercados, sótãos ou em qualquer outro ambiente que tenha espaço suficiente para uma acrobacia. O artista é formado em ballet clássico e dança moderna, e já se valeu da arte para entreter turistas pelas ruas de Paris. Muitos desse filmavam ou fotogravam os seus movimentos, o que o inspirou a comprar uma câmera e aprender a fotografar por conta própria, usando os autorretratos para expressar suas emoções enquanto dança.

Embora o projeto se chame 365 photos, Mickael não captura necessariamente uma imagem por dia. Na realidade, já faz três anos que ele trabalha na série, e espera levar no mínimo mais outros três para terminar. O bailarino de 30 anos afirma que as fotos podem demorar de alguns minutos até horas. Mas, basicamente, o processo é escolher a locação, ajustar o tripé e pressionar o controle remoto. Simples assim.

Enquanto continua sua jornada, ele arquiva todas as fotos no seu site. para que mesmo os fãs que não moram em Berlim possam desfrutar da sua arte.

autorretrato-canhotices6  autorretrato-canhotices   autorretratos-canhotices3  autorretratos-canhotices4

Via Huffington Post

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *