Máquinas de café expresso se transformam em luminárias super criativas

Para um projeto de pesquisa, o designer holandês Willem Heeffer explorou possíveis usos para materiais descartados por fábricas de Helsinque, na Finlândia. O resultado? Uma série de objetos para decoração de interiores assim como um extenso catálogo de resíduos industriais, incluindo informações sobre suas propriedades específicas e métodos de produção.

O primeiro exemplo é a Boiler Lamp collection, que utiliza as caldeiras de máquinas de café expresso – conhecidas no mercado como Boilers – e as transforma em luminárias.  Cada um desses boilers foram utilizados durante 10 anos pela fábrica de café Paulig, antes de serem descartados e posteriormente transformados em luminárias, que vieram devidamente etiquetadas com o nome e número de série da máquina original. A fábrica gostou tanto do resultado que comprou as lâmpadas de volta.


luminarias-maquina-café-espresso-canhotices2

luminarias-maquina-espresso-canhotices3

luminarias-maquina-espresso-canhotices4

O exterior do objeto é feito com um acabamento fosco revestido em pó, enquanto a parte interna contrasta com uma lâmina luminosa. Os buraquinhos assimétricos emitem raios de luz aleatórios. O legal é que as luminárias estão disponíveis tanto em formato pendente como de chão – para todos os gostos. É uma boa pedida para combinar com uma decoração mais contemporânea, estilo loft.

O projeto foi batizado de  The City as a Mine (A Cidade como uma Mina), e seu objetivo é transformar o lixo em uma espécie de tesouro – o que faz com que essas luminárias sejam apenas o primeiro passo de um movimento muito maior.

Via Design Milk

Continue Reading

Artista se inspira nos banheiros públicos para criar doodles divertidos em casa noturna

El Moscou é uma casa de shows da cidade espanhola de Torelló, pertinho de Barcelona. Ali, a ilustradora Olga Capdevila criou a Sala Flúor – uma intervenção que homenageia/faz uma releitura dos sarcásticos desenhos que costumam encher as paredes e portas de banheiros públicos.

Quando os sócios entraram em contato com a designer de interiores marta mir em busca de um makeover para o clube, ficou clara a necessidade de uma atmosfera mais acolhedora. O principal desafio identificado foi o grande foyer logo antes do banheiro  – um espaço completamente inútil e frio, que só servia para aglomerar as pessoas em espera para usar os lavatórios.

A solução? Capdevila preencheu as três paredes com mais de 300 ilustrações para entreter os clientes parados na fila. Ali, eles encontram piadas, anedotas e até jogos que aconteceram na casa, referências a pessoas e tradições da cidade e alguns doodles de bandas que já tocaram por lá. Todos os desenhos – e alguns deles são bem safadinhos, como o esperado em um banheiro público –  foram pintados com tinta fluorescente e são iluminados com luz negra, crando uma atmosfera envolvente. A luz negra e a tinta fluorescente são comuns em casas noturnas, mas normalmente não são utilizadas com um propósito tão artístico e bem planejado quanto esse. A intervenção transformou uma sala de espera vazia e chata em uma área interessante que agora é reconhecida como um dos espaços mais simbólicos do clube.

As fotos aí embaixo dão uma boa ideia do resultado final (retirem as crianças da sala!)

the-flour-room-doodles-canhotices
the-flour-room-olga-doodles-canhotices2  the-flour-room-olga-capdevila-designboom-03
the-flour-room-olga-capdevila-designboom-07 the-flour-room-olga-capdevila-designboom-10

Via Design Boom

 

 

Continue Reading

Designer cria marca páginas de feltro em formato de comida

Essa é para os fãs de literatura! Quem vive com um livro embaixo do braço sabe muito bem como funciona o fetiche por marca páginas que faz parte da vida dos ratos de sebo. Afinal, não tem nada mais deprimente do que ter de usar papéis soltos para marcar o ponto onde a leitura parou.

É aí que entra o Inspirational Gecko, projeto pessoal da Francesca, uma estudante de ciências naturais apaixonada por artesanato. Como muitas amigas nossas, ela ama criar coisas fofas e coloridas usando linha e feltro. Todas as criações dela – marca páginas, capas, chaveirinhos e broches –  são 100% feitas à mão e pensadas para colocar aquele sorriso de “ai que amor” no rosto.  O destaque fica para esses marca páginas, que envolvem a borda da folha de papel e fogem do formato tradicional de coluna. Comidinhas deliciosas para encher os olhos enquanto as páginas do livro são devoradas 🙂

 Podem se inspirar vendo mais produtos no en.dawanda.com

A Fernanda, do Meia Tigela, também trabalha com feltro e faz criações lindas para as mais diversas ocasiões: são enfeites de porta, capas para celulares e tablets, chaveirinhos e muito mais. Uma ótima opção para quem adora as referências gringas, mas gostaria de encontrar um artista brasileiro igualmente competente.

Via Bored Panda

Continue Reading

Wanda Café Optimista foge do tradicional em um local cheio de vida e cor

Wanda Café Optimista é o nome do mais novo projeto do designer espanhol Parolio. Fã dos ambientes alto-astral, o objetivo dele era que, por meio do design, o café fosse capaz de trazer uma atmosfera de cor, alegria e atitude positiva (mesmo em meio à recessão que a Europa enfrenta). Para isso, o Wanda Café deveria trazer um clima de sol e diversão, como um dia ensolarado nas férias de verão.  O ambiente com toques ecléticos e casuais foi desenvolvido com base em elementos tribais, combinando com cores vivas e tons de neon.


Wanda-Café-Canhotices2

 

Para criar o bar, Parolio trabalhou com madeira de lei, aplicando um print de tribal em 3D com gravetos de madeira envernizados e rosa neon. As cadeiras foram feitas de cana, com tecido artesanal colorido e almofadas customizadas.

Wanda-Café-Canhotices6 Wanda-Café-Canhotices7

 

O toque artístico do café ficou por conta do ilustrador alemão Boris Schmitz, que fez grandes ilustrações na parede, para combinar com os blocos de imagens e cores. O nome Wanda é uma metáfora que simboliza o amor de verão, evocando otimismo, diversão e romance (aqui no Brasil não ia rolar essa associação, mas enfim.. hehehe)

Wanda-Café-Canhotices4  Wanda-Café-Canhotices5

 

O ambiente é cheio de vida e completamente distante da estética característica dos cafés. Ao invés de adotar os tons escuros, tipicamente associados ao inverno (ou ainda à atmosfera romântica dos cafés de Paris), o Wanda inova ao trabalhar com cores tão brilhantes e com muita luz natural, resultando em uma estrutura jovial e fresca. Super criativo!

Via HomeWorldDesign

Continue Reading

Loft em Amsterdam é na verdade uma pop-up store!

Sabe aqueles apartamentos perfeitos que aparecem nas páginas da Casa Vogue? Ou as plantas de apartamentos decorados, que vendem uma ideia perfeita que nem sempre podemos alcançar? Confesso que às vezes me dá até uma deprê. Esse seria o caso do loft abaixo, caso não estivéssemos falando de uma pop-up store.

loft-amsterdam-canhotices-7  loft-amsterdam-canhotices-6  loft-amsterdam-canhotices-5  loft-amsterdam-canhotices-4

Seguindo uma linha mais Boho, o Loft em Amsterdam é puro charme. Os detalhes em madeira, as luminárias e a própria iluminação natural do ambiente são de brilhar o olho de qualquer leiga como eu. Imagina um arquiteto! 
2loft-amsterdam-canhotices 
loft-amsterdam-canhotices-3

O Loft #2 fica em Amsterdam, e oferece as melhores seleções de objetos e móveis,encenados dentro de um apartamento. Bem melhor do que passear pelos ambientes da Tok Stok, né?

Via Archiboom

Continue Reading

14 ideias inspiradoras para montar uma horta vertical

Aqui na minha casa temos um problema sério. Queremos investir em uma alimentação mais saudável, mas não temos espaço para uma hortinha. A varanda, que já sofre com a aglomeração de plantas em vaso, tem apenas uns poucos temperinhos plantados. Já me falaram várias vezes sobre hortas verticais, mas vou ser bem sincera: essas versões do Decora não me agradam muito (malz aê, Rosenbaum). E para piorar, toda terça-feira tenho que assistir à Bela Gil passeando naquela hortinha fofa da Bela Cozinha.

Felizmente, resolvi parte do problema quando encontrei essa galeria de inspirações para pequenos jardins verticais. Devo acrescentar que não tenho muito talento para atividades que envolvem motricidade fina, e exatamente por isso gostei dos projetos: são super fáceis de fazer. Confiram as imagens aí embaixo.

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-13
14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-12
14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-11
14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-10
14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-9
14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-8

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices7

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-6

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-4

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-3

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices

14-ideias- inspiradoras-para montar-uma-horta-vertical-canhotices-5

Apenas pretendo levar essas imagens para a gerência (também conhecida como minha mãe). Se os projetos forem aprovados, prometo tirar fotos e postar tudo por aqui!

Via Cretique

Continue Reading