Sentimentos humanos em versão remédio

O fotógrafo Valerio Loi, de Londres, montou um projeto divertido em que criou pequenas ampolas – tipo aquelas de veneninho dos filmes antigos – contendo os sentimentos humanos em formato medicamentoso. O título do projeto é Sentimentos Humanos em Versão Remédio (tradução livre de Human Feelings as Drugs).

Loi afirma que percebeu há muito tempo a falta de carinho que em geral afeta as pessoas. Sentimentos que constituem a base da interação humana, da cooperação e do bem-estar estão cada vez mais ausentes na sociedade.  E, para compensar, em meio à correria e ao estresse, acabamos recorrendo aos medicamentos, como ansiolíticos e antidepressivos para suprir a ausência do contato pessoal. A indústria farmacêutica prospera atendendo a toda essa demanda, mas o que aconteceria se percebêssemos que aquilo que nos falta é muito mais simples do que um Rivotril da vida tem a oferecer?

Daí surgiu a ideia de recorrer à “medicina alternativa”, por meio de soluções bem antigas: amor, paciência, empatia, etc. É claro que se trata de uma brincadeira, mas ainda assim ela carrega uma provocação. Os verdadeiros antídotos para os nossos problemas talvez se resumam aos sentimentos mais básicos, que trazem sentido as nossas vidas.

As garrafinhas coloridas vêm com as descrições detalhadas de cada emoção, e vocês podem conferir mais nas imagens:

 

Via Design You Trust


You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *