Sobre

Desde a primeira vez em que li, sempre me identifiquei com esse trechinho do Poema de Sete Faces, do Drummond.

Quando nasci, um anjo torto
desses que vivem na sombra
disse: Vai, Carlos! ser gauche na vida.

Gauche, em francês, quer dizer esquerda. Ou canhoto. Mas nesse caso, o que o poeta quer dizer é que sempre se sentiu um desajustado, meio esquisito e fora do padrão tradicional. Sentimento que eu – e muita gente envolvida com criatividade – partilha. Para mim, parte do ser canhoto é olhar a vida com olhos meio tortos, mas também mais sensíveis. Uma capacidade que apenas algo em torno de 10% da população pode entender plenamente.

Resumindo em uma frase, esse blog é uma compilação de coisas sensíveis e que tocam a emoção daqueles que, como eu, também se consideram gauches na vida.

2 Comentários

  1. Bibiana Menegaz

    Parabéns pelo trabalho Nathalia.
    Estou adorando o blog!
    Acompanho sempre que posso e acho sempre muito interessante e divertido.
    Continue assim.
    beijo
    Arq. Bibiana Menegaz

    • nnathalia

      Oi querida! Que bom saber que tu estás gostando, fico super feliz 🙂
      Quando quiseres compartilhar algum projeto, pode me mandar por email – nnathalia@gmail.com
      Adoro o teu trabalho e sempre acompanho pelo FB.
      Beijos!

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Contato

Para conversar sobre parcerias, oportunidades ou apenas dar um alô para o Canhotices, mande um email!